AMOR-EXIGENTE Junho/2017 {revistae PRINCÍPIO INFLUENCIADOR

Colaboração: Claudio Nero Lugo

Suplente Regional Porto Alegre/RS

 

6º PRINCÍPIO – O comportamento dos filhos afeta os pais; o comportamento dos pais afeta os filhos

 

Cuide de seus pensamentos, pois eles se transformam em palavras.

Cuide de suas palavras, pois elas se transformam em comportamentos.

Cuide de seus comportamentos, pois eles se transformam em hábitos.

Cuide de seus hábitos, pois eles moldam seu caráter.

Cuide de seu caráter, pois ele define seu estilo de vida e controla seu destino.

 

Comportamento não é algo que já se nasce com ele, mas algo que se aprende. É algo que se escolhe. Dos três pedidos feitos na Oração da Serenidade, a “sabedoria” é considerada a mais importante, porque de nada valeria comportar-se aceitando tudo com serenidade ou mudando tudo com coragem, aleatoriamente, sem ter sabedoria para escolher qual comportamento usar.

 

O filósofo Confúcio já ensinava que podemos adquirir sabedoria de três maneiras: Primeira, através da observação e reflexão, que é a “maneira mais nobre”. Segunda, pela imitação, que é a “maneira mais simples”. E terceira, pela experiência própria, que é a “mais amarga”.

 

Um mundo melhor amanhã, depende de capacitarmos nossos filhos e educandos para a prática da “primeira maneira” citada acima. Um exemplo ensina mais que mil palavras, porque a maneira mais fácil de aprender é pela imitação. Sem esses cuidados, nossos mal-educandos terão que aprender a escolher comportamentos pela experiência, com tentativas e erros, da maneira mais amarga.

 

É preciso saúde bio psico  sócio espiritual e integração harmônica dessas dimensões nas novas gerações para prevenir as dependências. Idem aos dependentes químicos para estabilizar sua recuperação e prevenir recaídas. A Organização Mundial da Saúde afirma que “não há povo com saúde sem educação”. Educar não é preencher ou enfiar, mas extrair ideias, desenvolver capacidades e obter resultados. Respeitar a individualidade de cada um, tratando desigualmente os desiguais. Mesmos valores para todos nortearem suas atitudes. Maximizar: Dignidade, harmonia, assertividade, firmeza, autodomínio, flexibilidade, adequação e interdependência.

 

Os problemas e comportamentos indesejáveis não surgiram ontem. O dependente químico se desumanizou lentamente. A recuperação também será gradativa.

 

Trabalhemos nossos comportamentos. Somos bons, mas podemos ser melhores para nós e para os outros.

 

 

1ª. SEMANA / Princípio com enfoque EU

. Como uso os 1º aos 5º Princípios para avaliar meus comportamentos?

. Sou do tipo que reage/devolve tudo no mesmo nível (mesma moeda)? Isso é bom?

. Costumo mudar comportamentos para “não desagradar” ou “só para satisfazer o desejo de alguém”? Exemplo?

 

 

2ª. SEMANA / Princípio com enfoque EU e o OUTRO

. Sua família discute pessoas ou discute problemas e comportamentos? Como terminam?

. Quais os assuntos proibidos, segredos e ameaças mútuas entre vocês?

. Como sua família lida com a mentira, irresponsabilidade, esperteza e a mudança de comportamentos?

 

 

3ª. SEMANA / Princípio com enfoque EU e a SOCIEDADE

. Pelo Amor-Exigente, quem deve mudar primeiro, você ou os outros? Por quê?

. Quem concorda comigo é meu amigo. Quem discorda é meu inimigo. Você pensa assim? Isso ajuda a sociedade a melhorar? Como?

 

 

4ª. SEMANA / Rever nossos princípios ÉTICOS:

Relacionar-se fraternal e respeitosamente com os membros e líderes dos grupos a que pertencemos: Família, profissão, grupos de Amor-Exigente e da sociedade.

 

 

. O que você tem feito quando está disponível e solidário?

. Relate um caso em que baniu todo tipo de preconceito.

. Dê uma situação em que não julgou ou rotulou pessoas.

 

 

ESPIRITUALIDADE

 

Gálatas 5.15:23: A carne e o Espírito.

Mas se vos mordeis e devorais uns aos outros, tomai cuidado: Vós vos destruireis mutuamente. Escutai-me: Andai sob o impulso do Espírito e não façais mais o que a carne deseja. Pois a carne, em seus desejos, opõe-se ao Espírito e o Espírito à carne, entre eles há antagonismo, por isto não fazeis o que quereis. Mas se sois guiados pelo espírito, não estais mais sujeitos à lei. As obras da carne são bem conhecidas: libertinagem, impureza, devassidão, idolatria, magia, ódios, discórdia, ciúme, cólera, rivalidades, dissensões, facções, inveja, bebedeiras, orgias e outras coisas semelhantes. Mas eis o fruto do Espírito: Amor, alegria, paz, paciência, bondade, benevolência, fé, doçura, domínio de se contra tais coisas não há lei.

 

Gálatas 6.1: A Lei de Cristo.

Irmãos, se acontecer a alguém ser surpreendido em falta, a vós, os espirituais, compete corrigi-lo, com espírito de mansidão. Acautela-te contigo mesmo. Tu também não podes ser tentado?

 

 

Este encarte especial é parte integrante da REVISTAE, publicação mensal da FEAC – Federação de Amor Exigente

Jornalista Responsável: Patrícia Medeiros (MTB 0066511/SP) / Projeto Gráfico: Biancheti Propaganda

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s